© 2019 por Estúdio Paulo Lima

Fotografia 263

Atualizado: Mar 7




Jericoacoara | Ceará | Brasil | Ano 2020

Tiragem 01: 03/15 Tiragem 02:

O HOMEM E O MAR


Homem livre, tu sempre adorarás o mar!

O mar é teu espelho; a tua alma contemplas

Na sua ondulação, no infinito vaivém,

E o teu espírito é fosso não menos amargo.


Gostas de mergulhar na tua própria imagem;

Chegas mesmo a beija-la, e o teu coração

Distrai-se algumas vezes do seu próprio som

Com o rumor dessa queixa indomável, selvagem.


Sois ambos, afinal, discretos, tenebrosos:

Homem, ninguém sondou os teus fundos abismos.

Ó mar, ninguém conhece os teus tesouros íntimos,

Tanto que sois dos vossos segredos ciosos!


E porém, desde sempre, há séculos inumeráveis,

Que os dois vos combateis sem piedade ou remorso,

De tal modo gostais da carnagem da morte,

Ó lutadores eternos, irmãos implacáveis.


Charles Baudelaire




#charlesbaudelaire #jericoacoara #ceara #brasil

6 visualizações

© 2015 por Estúdio Paulo Lima